Isaque - Uma História romântica com final feliz

O estudo da biografia de Isaque é de muita inspiração. Sua história revela a intervenção, direção e bênção do Senhor de um modo emocionante, romântico e de suspense. Os jovens devem pesquisa-Ia com especial atenção para o seu casamento. Aliás, "as duas grandes características da vida de Isaque se centralizam em torno de seu nascimento e de seu casamento."...) Foi desses patriarcas o que alcançou mais longa vida: 180 anos (Gênesis 35.28-29),
A noticia que causou riso (Gn 21.5-6)

Não é que Deus fale coisas engraçadas, não. Mas quando o Senhor anunciou o nascimento de Isaque numa visita oficial de anjos, seus pais acharam engraçado. Conhecemos as razões: Primeiro, a mãe havia vivido estéril desde jovem. Segundo, agora que se encontrava totalmente fora da idade fértil, iria conceber? Daí o riso de ambos, pai e mãe, diante da promessa de nascimento do herdeiro, aparentemente, com muito atraso. Afinal, Abraão estava com 100 anos e Sara com 90 anos. (Gn 17.17). Por isso o significado atribuído ao nome Isaque =RISO. A Bíblia encanta pelos milagres que registra. A história da redenção é plena de milagres. A concepção de Sara aos 90 anos encerra dois milagres: A cura da esterilidade e o da gravidez remota. Essa linha miraculosa se estende, passando por Rebeca até a concepção virginal de Maria; a ressurreição do Senhor Jesus Cristo e a de todo aquele que crê no Salvador. Enfim, a intervenção divina para a eleição e salvação do pecador, não seria consumada sem sobrenatural. O Deus que age no mundo onde a morte passou a todos os homens, porque todos pecaram, somente poderia fazê-lo através de sucessivos e incontáveis milagres, "para que a bênção de Abraão chegasse aos gentios, em Jesus Cristo, a fim de que recebêssemos pela fé o Espírito prometido. "(G13.14). Quando fomos salvos, houve milagre: o novo nascimento, produzido pelo Espírito Santo. (João 1.12-13; Tito 3.5).
O suspense
É difícil imaginar como teria se passado a infância de Isaque. A Bíblia descreve com parcimônia essa fase da vida do pequeno patriarca. Ele não desfrutou da presença de irmãos no lar. O meio-irmão que conheceu não se mostrara nem um pouco amistoso, pois chegou até mesmo a zombar de Isaque na primeira festa que lhe ofereceram, quando foi desmamado. (Gn 21.8-10) –“as crianças eram desmamadas tarde”. - (Bíblia de Jerusalém, anotações de 1 Sm 1.22).
Passado o episódio do Monte Moriá, Isaque cresceu nas lides da agricultura, muito bem sucedido. Com a morte de Sara, sua mãe, o pai passa a se preocupar com o futuro do filho. Envia à terra de seus familiares, Harã, o mordomo de sua confiança, Eliezer, com uma missão específica e séria: Descobrir de onde poderia vir a esposa para Isaque. O capítulo 24 de Gênesis é um relato romântico; deve ser lido e relido com meditação pelos moços e moças de nossas Igrejas.
Fora a questão cultural, temos muito a aprender da atitude de Isaque, ao não se sentir tutelado pelo pai. Representado por seu "procurador" Eliezer, vê-se no moço pelo menos três formas de comportamento dignas de nota:

Submissão

Concorda com a sábia orientação do pai na importante questão do casamento. Que este não viesse a comprometer o futuro religioso do filho e sua projeção no plano estabelecido por Deus. Não que faltassem moças em Gerar, terra de filisteus. A visão do patriarca da fé, passa pela vida da nação israelita como norma do Senhor e está presente nos ensinamentos do Novo Testamento, onde se vê, claramente, a posição ideal para o crente, a de não contrair o casamento misto. (Deuteronômio 7.3-4; I Coríntios 7,39).

Dependência

O "enviado especial", fiel intérprete da vontade de seus senhores, realiza todos os seus movimentos na busca de uma moça para Isaque, na inteira dependência do Senhor. A presença de Eliezer na Mesopotâmia está marcada pela oração. Pediu a Deus sinal e alcançou resposta positiva. Para os jovens, o passo mais importante da vida, após a conversão, é o do casamento. Que experiência maravilhosa a de Eliezer quando confiou no Senhor, "combinou" com Deus um sinal e ficou aguardando “em silencio” o resultado. (Gn 24:12-21)

Direção do Senhor

Outras moças também vieram tirar água naquela mesma hora, mas o sinal “combinado” recaiu sobre Rebeca. Não basta ser crente a moça ou o moço que se tem em vista. É necessário que se alcance a plena certeza da vontade do Senhor, antes de iniciar o relacionamento do namoro. Isso pouparia muitas frustrações, desencanto e crises na vida espiritual de nossa juventude nas Igrejas. Casar fora da vontade e da direção do Senhor, pode custar muito caro.

Final Feliz

“Do casamento de Isaque com Rebeca há um trecho sublinhado na minha Bíblia: ‘Ele a amou.” (Gn 24.67). Isaque merece destaque entre patriarcas da sua época por razões tais como:

- Não aderiu à cultura do seu tempo que permitia a poligamia.

- Amou a única esposa que possuiu. O amor é, por sua natureza, invaria­velmente, monogâmico.

- Em vista da esterilidade de Rebeca, não buscou a solução fácil extraconjugal, mas recorreu à oração, e intercedeu vinte anos por sua esposa. (Gn 25.20-21, 26). A oração no lar cria perspectivas que pareciam distantes. Torna possível o impossível. Isaque conservou a sua herança "genética" da fé. Ele mesmo era um filho por milagre. Foi poupado em Moriá, O Deus que proveu o cordeiro no momento oportuno, podia também prover a descendência prometida. (Gn 26.24). Isaque era rico, por herança e pelo desenvolvimento econômico da atividade rural. Possuía prestígio e era cidadão respeitado. (Gn 26.12-14,28). Mas o que mais ressalta é o seu testemunho no lar, o amor e a fidelidade à esposa, bem como a bênção patriarcal que transferiu aos filhos herdeiros da promessa, especialmente, Jacó. Era homem de fé. (Hebreus 11.20). Anote-se ainda que Rebeca casou com a bênção de seus familiares.(Gn 24.60). Para uma união matrimonial feliz, deve haver a concordância e a bênção da família paterna.
Conhecer melhor a vida de Isaque e imitá-lo é procurar desenvolver um bom caráter cristão, hoje, como auxílio do Espírito Santo.
Arauto de Sião - Pr Pedro Mendes da RED - Batista Independente

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails