Não existe mais motivos para piratear

Todos nós sabemos que a pirataria sempre existiu em nosso país. Antigamente quando eu ainda era criança eu já via nas bancas perto da feira lá de casa fitas cassete de vários cantores nacionais e internacionais sendo comercializadas e tinha até pirataria gospel. Era uma época em que não haviam CDs e DVDs e fitas originais custavam muito caro, o que não justifica a falsificação. Também tinha (ainda tem) uma galeria no centro de São Paulo que comercializava discos de vinil de bandas de rock, pop e outros, tudo pirata. Alguns vinham com um rótulo com a estampa de um pirata.
Os crentes de um modo geral não podem fazer vista grossa para a pirataria. E muito mais ainda, consumir estes produtos.Uma coisa boa tem acontecido nos últimos tempos. Algumas empresas tem disponiblizado softwares para uso livre em PCs. É o caso do Linux - Assim como o Windows, é um sistema operacional. A grande diferença é que ele é open-source e qualquer um pode obtê-lo gratuitamente, editá-lo, copiá-lo, republicá-lo e até mesmo vender versões modificadas do mesmo. Muitos especialistas em segurança garantem que servidores Linux bem configurados são muito mais seguros e estáveis que servidores Windows. Na WEB existe material farto e muitas recomendações sobre este SO. Ele possui uma interface muito parecida com o Windows. Acreditamos que usuários comuns não terão grandes dificuldades em usá-lo. Um outro era com o pacote Office da Microsoft. Mesmo tendo o sistema operacional resolvido em sua máquina era necessário obter  o Office para podermos usar Word, Excel, Power point e outros. Mas até issto já está resolvido. Se você já tem um Windows original, Linux ou outro sistema opracional como Mac já conta com um super pacote Office completo e totalmente gratuito. Trata-se do BR Office. OpenOffice.org é uma suíte de aplicativos para escritório livres multiplataforma, distribuída para Microsoft Windows, Unix, Solaris, Linux e Mac OS X. A suíte usa o formato ODF (OpenDocument) — formato homologado como ISO/IEC 26300 e NBR ISO/IEC 26300 — e é também compatível com os formatos do Microsoft Office além de outros formatos legalizados. Alguns formatos legalizadosdos não mais suportados pelas versões mais recentes do Microsoft Office ainda podem ser abertos pelo OpenOffice.org evitando assim a perda destes. O BR Office não fgica devendo nada para o pacote do Office da Microsoft com ele você cria planilhas, apresentação de slides entre outros. E o mais importante é inteiramente grátis e legal. Tanto o sistema operacional Linux e a Suite BR Office já foram testadas num PC que prepara estes artigos do Arauto de Sião e impressionam no desempenho. Além destes softwares livres existem uma serie de outros aplicativos como: Editores de áudio, video, conversores de formatos de arquivos que também são gratuitos. Em alguns casos a empresa libera uma parte do software para ser usado livremente bloqueando algumas funções.
Então, meu irmão, não existe mais razão para sair pirateando sistemas operacionais e programas office em seu computador. Porque piratear é o mesmo que roubar e isso não agrada a Deus.

Rogério Loureiro usa BR Office em seus computadores.

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails